FRATERNIDADE

msg 2801

“Honrai a todos. Amai a fraternidade.”
I Pedro, 2:17

 

A desonra e a avareza sempre estiveram presentes na história do homem terrestre.
Desonra é não-valorização da vida e a falta de amor para consigo e para com a vida do próximo.
Avareza é a conduta reprovável de quem vê apenas a si, de quem vive para si e se encarcera no sentimento próprio, esquecendo-se do sentimento alheio.
Esses dois fermentos da loucura espiritual podem ser combatidos com a fraternidade pura.
A fraternidade é lei superior, fôlego divino e hausto da vida universal.
Ante o concerto da fraternidade, a paisagem do mundo ficou irisada de luz, as cidades da terra conheceram a paz, e o banquete de esperança foi apresentado aos homens, em um convite à interior.
Eliminando as sombras da paisagem do mundo, surge a fraternidade, lançando as bases na manifestação do amor.
Surge para a humanidade um momento de recomeçar e refazer as experiências, vivendo a fraternidade.
Quem abraça os ensinamentos de JESUS, quase sempre, prova o cálice dos testemunhos, mas sobretudo, acende a chama da fraternidade na alma.
A dor ultriz, as agressões e torpezas são silenciadas pela prática da fraternidade.
A fraternidade e o amor são o alfabeto da era nova, sobre o qual será construído o altar da vida.

Alex Zarthú

Fonte: Livro: “ SERENIDADE ” – Pelo Espírito: Alex Zarthú – Médium: Robson Pinheiro  

 


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *