NO DIA DE HOJE…

msg 2010

No dia de hoje, pelo menos, coloca beleza nos teus olhos,
a fim de fitares a vida com lentes mais claras.
Liberta-te das impressões negativas
que te acompanharam ao leito,
na noite passada, e dispõe-te
a encarar o mundo e as pessoas
com uma dose de boa vontade.
Notarás que o teu estado íntimo
se renovará e tudo adquirirá vida
agradável ao teu redor.
A boa vontade, em relação aos
outros, retorna como simpatia e
camaradagem deles, em relação a ti.
Enfrenta o dia novo, disposto a
vencer e conquistando o espaço
bom que te está reservado no mundo.

Fonte: Livro: ” Vida Feliz”- Espírito: Joanna de Ângelis –
Médium: Divaldo P. Franco 
 

 

TUA ALEGRIA

msg 1910

Queremos falar-te de tua alegria, este dom maravilhoso que Deus te deu, como a todas as outras criaturas. Porém, é preciso destacar dois tipos de alegria: a que nasce da pobreza mental humana e a que provém do celeiro inesgotável do Espírito.
É esta última que queremos destacar com maior evidência, por ser ela a vida que se move, do mínimo ao máximo da criação de Deus. A alegria é uma força divina aposta, quando pura, ao coração de Jesus. Ela nos faz crer na existência do céu e nos mostra o perfume da eternidade. Este talento valioso mora em teu coração, esperando ser desenvolvido; procura-o no fundo dosteus sentimentos, que o encontrarás. Este prêmio te espera como recompensa  de todos os teus esforços; a alma sempre começa essa descoberta, exercitando a alegria humana, para depois estabelecer contato com a presença da satisfação superior. Os meios de encontrá-la estão no Evangelho, consagrado ao despertar dos tesouros espirituais. Sê honesto, caridoso, manso, humilde, trabalhador e ama todas as coisas e todas as criaturas, que o bom senso te levará à alegria verdadeira.
Meu filho, a nossa palavra chave desta página é Amor. Falemos dele. O Amor é a fonte de todas as bênçãos da vida; ele se reveste de muitas roupagens, para que possas entender a função divina de seu roteiro. Por enquanto, ainda não o suportamos em sua pureza perfeita, devido à falta deelevação das criaturas que estagiam na Terra. Mas, nunca devemos nos esquecer de nos esforçar para melhorar os nossos sentimentos de Amor para com Deus e para com a humanidade.
O Amor que devemos plasmar é o universal – capaz de estabelecer em nossa consciência a Paz imperturbável.
Estamos falando aos que possam nos escutar. Já experimentastes dar um pouco de afeto de teu coração aos corações que te cercam? Se já, continua exercitando esta virtude; se não, experimenta-a quantas vezes forem necessárias, porque é deste esforço que nascerá a tua alegria, que te alimenta e te dá vida. A afeição não faz mal a ninguém; ela cultiva o terreno para a amizade, valorizando a simpatia. que abre caminho para o entusiasmo de viver.
É neste aspecto, e no desejo de ajudar, que incentivamos a prática do culto do Evangelho no lar. Se ainda não conheces seus frutos, procura conhecê-los; hoje existem muitas pessoas de boa vontade, dispostas a ajudar-te na abertura do Evangelho em casa, de modo que com eles possas dar continuidade e aprender a arte mais sublime do mundo, que é a de amar. E neste momento, meu irmão, receberás a visita – senão para morar contigo – da verdadeira alegria e o teu castelo ficará estruturado no reino do coração. 
Jesus começou pregando o Evangelho da Vida pela palavra; podes fazer o mesmo em tua casa; faze reviver esse fenômeno, transcendental no teu seio familiar, conversando também – não te custa nada, apenas a dedicação de poucos minutos – para que saia de teu coração para a tua casa, a tua alegria.

 

Fonte: Livro: “Tua Casa”- Espírito: Ayrtes – Médium: João Nunes Maia 

 

 

ORAÇÃO NOSSA

msg 1810

Senhor ensina-nos:
A orar sem esquecer o trabalho;
A dar sem olhar a quem;
A servir sem perguntar até quando;
A sofrer sem magoar, seja quem for;
A progredir sem perder a simplicidade;
A semear o bem, sem pensar nos resultados;
A desculpar sem condições;
A marchar para frente, sem contar os obstáculos;
A ver sem malícia;
A escutar sem corromper os assuntos;
A falar sem ferir;
A compreender o próximo sem exigir entendimento;
A respeitar os semelhantes sem reclamar consideração;
A dar o melhor de nós, além da execução do próprio dever, sem cobrar taxas de reconhecimento…
Senhor fortalece em nós, a paciência para com as dificuldades dos outros, assim como precisamos da paciência dos outros, para com as nossas próprias dificuldades…
Ajuda-nos para que a ninguém façamos aquilo que não desejamos para nós…
Auxilia-nos sobretudo, a reconhecer que a nossa felicidade mais alta será, invariavelmente, aquela de cumprir seus desígnios onde e como queiras, hoje, agora e sempre.

Fonte: Livro:”Meditações Diárias” – Espírito: Emmanuel – Médium: Francisco Cândido Xavier

BEM AVENTURANÇAS

msg 1710

“Jesus, vendo a multidão, subiu ao monte. Sentando- se, aproximaram-se Dele os Seus discípulos, e Jesus ensinava, dizendo”:

Bem-Aventurados os humildes, porque deles é o Reino do Céu.
Bem-Aventurados os que choram, porque eles serão consolados pelo próprio Deus.
Bem-Aventurados os pacientes, porque eles herdarão a Terra.
Bem-Aventurados os que têm fome e sede de Justiça, porque eles terão o amparo da Justiça Divina.
Bem-Aventurados os misericordiosos, porque eles alcançarão misericórdia.
Bem-Aventurados os limpos de coração, porque eles verão Deus face a face.
Bem-Aventurados os pacificadores, porque eles serão chamados filhos de Deus.
Bem-Aventurados os que são perseguidos por causa da Verdade, porque deles é o Reino do Céu.
Bem-Aventurados sois vós, quando vos perseguem, quando vos injuriam e, mentindo, fazem todo o mal contra vós por minha causa.
Exultai e alegrai-vos, porque é grande o vosso galardão no Céu.
Porque assim foram perseguidos os Profetas que vieram antes de vós

FONTE: Evangelho do Cristo, segundo Mateus, 5:1 a 12, da magnífica forma com que Alziro Zarur a proferia.

 

PRECE

msg 1610

Estendei vossa mão bondosa e pura,
Mãe querida dos fracos pecadores,
Aos corações dos pobres sofredores
Mergulhados nos prantos da amargura.

Derramai vossa luz, toda esplendorosa,
Da imensidade, da radiosa altura,
Da região ditosa da ventura,
Sobre a sombra dos cárceres das dores!

Ó Mãe! Excelsa Mãe de anjos celestes,
Mais amor, desse amor que já nos destes,
Queremos nós em cada novo dia;

Vós que mudais em flores os espinhos,
Transformai toda a treva dos caminhos
Em clarões refulgentes de alegria.

Auta de Souza

Fonte : http://pt.wikipedia.org/wiki/Auta_de_Souza –  Auta de Souza nasceu no Rio Grande Norte, em 1876, e lá mesmo desencarnou aos 24 anos de vida. Em 1900, publicou seu único livro, Horto, de significativa repercussão e cujo prefácio foi escrito por Olavo Bilac, o poeta brasileiro mais célebre daquela época.